Vênus de Willendorf: quem foi ela?

Vênus de Willendorf: quem foi ela?

venus_willendorf_tag_peqA Vênus de Willendorf, hoje também conhecida como Mulher de Willendorf, é uma escultura de 11,1 cm de altura representando estilisticamente uma mulher. Essa pequena escultura foi descoberta pelo arqueólogo Josef Szombathy em 8 de agosto de 1908, durante as escavações realizadas no sítio arqueológico do período Paleolítico, localizado próximo à Willendorf, Áustria e sua datação está entre 25.000 a 20.000 a.C. O material utilizado para a sua produção foi o calcário oolítico, tipo de rocha não existente na região e colorido com ocre vermelho.

Esta escultura é considerada uma idealização da figura feminina, apresentando a vulva, os seios e a barriga extremamente volumosos, características inferidas à fertilidade.

Apresenta braços frágeis dispostos sobre os seios volumosos, cabeça coberta provavelmente por tranças, formando um tipo de penteado. Para alguns arqueólogos, a Vênus poderia representar um sentido estético feminino para a sociedade primitiva, enquanto outros autores sugerem que a corpulência representa um elevado status social numa sociedade caçadora-coletora, além da relação óbvia com a fertilidade. A ausência dos pés sugere que talvez pudesse ser trazida por alguém na forma de um amuleto.

O original da Vênus de Willendorf integrada a coleção arqueológica do Museu de História Natural de Viena e sua cópia pode ser adquirida na Loja Virtual da Terra Brasilis Didáticos.


Uma resposta em “Vênus de Willendorf: quem foi ela?

Os comentários estão fechados.