Meteorito 2 NWA – L5

R$ 150,00

Em estoque

QR Code

QR Code

Ficha Técnica

Meteorito NWA L5

Classificação: condrito L, petrológico tipo 5
Peso: 22,7 g;
Tamanho: 2,8×2,9×1,8 cm
Localidade: Laayoune, Saara Ocidental, Marrocos

Acompanha certificado de origem.

Tipos de Meteoritos

Os meteoritos são divididos basicamente em três tipos: rochosos (aerólitos), que são formados basicamente de silicatos; metálicos (sideritos), formados quase inteiramente de ferro e níquel; e os mistos (siderólitos), formados principalmente por ferro, níquel e silicatos. Esses três tipos principais são subdivididos em classes, e essas classes podem ser subdivididas em grupos menores. Os meteoritos rochosos são os mais comuns, correspondem a cerca de 92,8% dos  meteoritos conhecidos. Os mistos, por outro lado, são os mais raros e perfazem apenas 1,5% dos meteoritos. Os metálicos, por sua vez, são cerca de 5% dos meteoritos que caem na Terra.

Fonte: Oliveira, Higor, Martinez. Meteoritos: Introdução à meteorítica e uma visão geral dos meteoritos brasileiros. 2.ed.- Rio de Janeiro, 2018.

O que são meteoritos NWA? Quais são as suas classificações?

O que são meteoritos NWA?

“NWA” é a abreviatura de Noroeste da África, e assim são conhecidos os meteoritos encontrados nesta região.

Alguns meteoritos encontrados nessa região recebem diferentes classificações, e as recomendadas se baseiam no Catálogo de Meteoritos, MetBase, no Boletim de Meteoritos Antárticos dos EUA, no Boletim de Meteoritos Japonês ou no Boletim Meteorítico. No entanto, em alguns casos, reflete diferenças de opinião sobre a maneira correta de classificar o meteorito.

O NMA é um condrito comum, isto é, uma classe principal de condritos, distinguidos por razões subsolar Mg/Si e refratário/Si, composições de isótopos de oxigênio que plotam acima da linha de fracionamento terrestre e uma grande porcentagem de volume de côndrulos, com apenas 10-15 vol % fino – matriz granulada.

Tipos de classificações:

  • Grupo L: o grupo químico com baixo teor de ferro (L) de condritos comuns, distinguido por seu conteúdo relativamente baixo de elementos siderófilos, côndrulos de tamanho moderado (~0,7 mm) e composições de isótopos de oxigênio que fazem a intermediação entre os condritos comuns do grupo H e LL.
  • Tipo 5: designa condritos que foram metamorfoseados em condições suficientes para homogeneizar olivina e piroxênio, converter todos os piroxênios de baixo Ca em ortopiroxênio, causar o crescimento de vários minerais secundários e borrar os contornos dos côndrulos*.
  • Tipo 6: designa condritos que foram metamorfoseados em condições suficientes para homogeneizar todas as composições minerais, converter todos os piroxênios com baixo teor de Ca em ortopiroxênios, engrossar fases secundárias, como feldspato, para tamanhos ≥50 µm, e obliterar muitos contornos de côndrulos; sem ocorrência de derretimento.

* Côndrulo é uma pequena esférula de minerais e liga de ferro-níquel. Essas pequenas esferas de matéria primordial da formação do sistema solar medem cerca de 2 a 4 milímetros.

Você também pode gostar de…